sábado, 4 de julho de 2015

Slow motion




Não, ainda não estou de férias.
Mas tenho pena.
O meu corpo e a minha cabeça estão mesmo a implorar-me por um abrandamento.
Eu que gosto de me levantar cedo, dou por mim a querer aproveitar todos os 5 minutos extra (possíveis) no vale dos lençóis. 
As leituras ao deitar têm sido substituídas pelas leituras ao acordar.
Ando preguiçosa, sem vontade de escrever nem tão pouco de fotografar.
Os dedos continuam a mexer, a criar novas peças.
Sou doida eu sei, em dias de quase 40º, os wip´s actuais rodeiam-me de lãs quentinhas... 
Estão quase concluídos.

Por enquanto, fico por aqui, mas em câmara lenta, pode ser?


Bom Verão






domingo, 28 de junho de 2015

Na hora das gaivotas






É cada vez mais a hora de eleição para ir dar um mergulho à praia.

Depois de um dia de trabalho com um calor desconcertante, é bom poder chegar a casa, trocar a roupa de trabalho pela toalha e fato de banho e daí a nada estar com o pé dentro de água.

A água estava um caldo, coisa difícil de acontecer nas praias da Arrábida (aqui na de Albarquel, com Tróia no horizonte).

O último mergulho foi mesmo quando a Lua já alta.
A "cereja no topo do bolo"?
A travessa de caracóis que se seguiu...


Bom Verão 
Bons mergulhos




quarta-feira, 24 de junho de 2015

O poder de saber fazer



A M. é uma jovem adolescente, desde sempre vaidosa, e fascinada por acessórios.

Se quando era mais pequena a perdição dela era a "Loja das Jóias" (era assim que ela desde pequena se habituou a chamar a uma loja que existe em muitos centros comerciais), hoje em dia, e desde que "descobriu" o Etsy (o mundo à distância de um click), os pedidos têm-se repetido. 

Já foram t-shirts, já foram óculos...
A última "descoberta" foi um colar curto, em couro, com um pendente estranho.

Convenci-a a antes de encomendar o colar que ela tanto gostava, no dia seguinte irmos à loja onde ocasionalmente comprava algumas peças para fazer bijutaria.
Quando lá entrou os seus olhos sorriram, parece ela que estava a entrar numa loja de doces.

Conseguiu manter-se fiel ao que queria.
Escolheu os pendentes que mais gostou e fio de couro suficiente para fazer vários colares.

A maior dificuldade?
Esperar pelo dia seguinte, porque afinal não havia "super cola" em casa.



Parece-me que desta vez ela percebeu o que é o poder de saber fazer.




sexta-feira, 19 de junho de 2015

Diferentes. Iguais. A condizer




Quando andei a brincar às cores, sabia exactamente o que queria fazer.

Há peças que é quase impossível não tentá-la noutras conjugações de cores.
Repetição de modelos já testados e aprovados.







Houve cadernos que já não voltaram do STB Urban Market, e desses nem o registo fotográfico ficou.


Do restante, fica o registo para mais tarde recordar, mas voaram antes de chegarem ao blog.


Embora nem todas sejam as minhas cores, sem treinar a cor não saberemos nunca se gostamos de outras conjugações...

Gostas?




terça-feira, 16 de junho de 2015

A soma dos dias



14600 dias
480 meses
40 anos.

É hoje.
Mais uma primavera, a mudança de década.
Estranhamente (ou talvez não) mais serena nesta fase da minha vida do que poderia imaginar há uns anos atrás.
É oficial, entrei nos entas, e já de cá não saio.


Eu, em horário de trabalho prazer, nas férias da Páscoa, na casa da terra.
Uma casa onde me sinto feliz de cada vez que lá volto...


domingo, 14 de junho de 2015

De Lisboa




Não eram estas as linhas que vos queria escrever hoje.
Se há coisa que não conseguimos controlar (e ainda bem), é a meteorologia...

Quando os Encontros começaram a ser planeados no principio do ano, tivemos algumas reservas quanto à data de Faro, questionamos-nos várias vezes qual seria a melhor para o Porto, mas nunca esperamos que em pleno Junho não pudéssemos concretizar o encontro de Lisboa devido à chuva...

Acordei com sol, saí de casa, rumo ao Parque das Nações já com algumas nuvens no horizonte.


Esta era a nossa paisagem.
Começaram por cair uns pingos, mas o dilúvio não se fez esperar.

Já de regresso a casa, para poder finalmente tirar as calças e os ténis molhados.

Ias ter connosco e tinhas ofertas para o Banco do Bebé?
Dentro de dias voltaremos a falar no assunto.


Agora, e para me desforrar , vou aterrar no meu sofá rodeada de Linhas & Agulhas.




sexta-feira, 12 de junho de 2015

Coral





Dos vários trabalhos que havia para concluir, o primeiro foi um xaile, em Coral.
Leve, solto e aconchegante.

Pensado para as noites mais frescas, tem por estes dias andado a navegar pelo Mediterrâneo (e já me foi dado a saber que tem feito sucesso)


É o modelo Elise Shawl, foi feito com agulha dois números acima do indicado, para ficar ainda com um  aspecto mais leve.

Gostam?
Podem encontrá-lo aqui.


O Encontro de Lisboa é já no próximo domingo...
Quem vai ter connosco?
A partir das 11h encontram-me no local indicado.






terça-feira, 9 de junho de 2015

Na mala para Lisboa





Estamos na contagem decrescente para o Encontro Linhas & Agulhas de Lisboa - é já no próximo domingo.

Cá a casa já começaram a chegar algumas ofertas, de quem não podendo ir, não quis deixar de contribuir.
Obrigado Olinda.

Mantas, gorros e botinhas.
Tudo feito com amor e carinho.

E tu, vais ao Encontro do próximo domingo?
Há umas quantas meninas, que sei morarem por perto, gostava TANTO de as conhecer...


quinta-feira, 4 de junho de 2015

Prazos pouco alargados



Um Xaile, que já está a bloquear, mesmo a tempo da sua futura dona o colocar na mala para as férias que começam no próximo fim de semana.


 93 dos 168 quadrados previstos já estão.
Gostava de conseguir entregar no próximo dia 14...
Se consigo?
Não prometo.

 Ensaio de cores para mais um mega projecto.
Pouco mais que meia dúzia de semanas para estar concluído...


Por cá tem sido assim, parece que quando um projecto abandona as agulhas, já dois estão à espera...

Há vícios piores.





sexta-feira, 29 de maio de 2015

STB Urban Market






Dizem que os gatos têm 7 vidas...
Eu também gostaria de as ter, mas em simultâneo. 

Por vezes é difícil escolher e fazer a gestão de tempo das minhas várias vidas.
Há a vida profissional, a vida de dona de casa, a de Mãe e de Esposa, a de Mulher tem dias que fica (quase) esquecida. 
Por estes dias, a vida de "doente crónica" de rinite alérgica ocuparia certamente uma vida inteira dessas sete que gostava de ter.

Ainda assim, continuo a achar que quem corre por gosto cansa menos, por isso, e para dar vida à minha Vida de criativa / feirante, neste Domingo estarei no STB Urban Market, quase quase com um pé na praia.

Que tal uma ida à praia, com o bónus de uma feira de artesanato e toda a animação anunciada?

Espero lá por um Olá teu.