quinta-feira, 2 de maio de 2013

Fios tingidos, que projecto?






Parti para este projecto bastante entusiasmada, mas porque não utilizei um dos fios recomendados, o resultado final ficou bastante aquém das minhas expectativas.

Mas, uma vez o fio tingido, era suposto inspirar-me para fazer "qualquer" coisa com ele...
A inspiração não veio.
Depois dos muitos cachecóis que fiz com as flores japonesas, fiquei com vontade de fazer um para mim com   uma linha matizada, não eram estes os tons que tinha pensado, mas ia aproveitar o fio...
Não fiquei convencida.

Neste momento vêm-me duas respostas que dei à ideia, aquando das perguntas dos Liebter Award´s me questionaram qual o meu pior projecto, eu respondi que seria um daqueles que abandonei no fundo do baú, e não vos cheguei a mostrar. 
Outra, acerca de desmanchar algum trabalho que tinha começado por não estar satisfeita com o seu resultado...
Este projecto é um deles!
Não  vou desmanchar, porque afinal ainda só fiz 4 flores, mas não ponho de parte a ideia de voltar a lavar o fio para me certificar se o corante sai todo ou não.
Para já, vai ficar "abandonado" no fundo do baú.


E aí desse lado, isto também acontece?
Começam algum projecto cheias de expectativas e depois não ficam convencidas?
Desmancham ou abandonam-no?


Um Beijo
Maria

8 comentários:

  1. Eu sou de desmanchar sem dó nem piedade, apesar de por vezes isso ser desmotivante. A tonalidade da lã tingida é bastante delicada e mimosa o único senão é ter mesmo a certeza que não perde a cor com as lavagens. As flores ficaram bem bonitas mas existem projectos que requerem um determinado tipo de fio para ficarem como se pretende. Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Eu detesto desmanchar, mesmo!
    O facto de ter tido que desmanchar parte de dois projectos já me pacificou mais em relação ao desmanchar. Mas por norma, sou teimosa e levo os projectos sempre até ao fim.

    Já pensaste que talvez num cachecol em tricot esse fio ficasse melhor?
    É uma sugestão.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Essa foi a primeira opção!
      Resultado?
      Desmanchado!

      Eliminar
  3. Nem imaginas as vezes que faço e logo a seguir desmancho tudo, e quando estou a desmanchar fico com uma cara que a Lu diz para mim ."mã,já tá?" lol
    Agora ando a fazer bolsas e afins com restos de algodão e linhas de croche que tenho de uns 3 ou 4 anos, depois quando acabar faço um post :)
    Beijinhos com carinho meus e da Lu

    ResponderEliminar
  4. Já me aconteceu com os tecidos, fazer uma peça que corre tão mal, ou cujo resultado não me agrada de todo e vai direitinha para o caixote do lixo...

    Com os fios, aconteceu-me algo parecido, comecei entusiasmadíssima a fazer um saco de dormir para um bébé próximo que vinha a caminho, mas os pais começaram com tantas esquisitices, que eu fiquei com receio que o meu trabalho não fosse bem aceite. Resultado - desmachei tudo e comecei a fazer uma manta em crochet, mas como também ficou com dimensões desproporcionais, está no fundo do baú... por rematar!

    ResponderEliminar
  5. Faço de tudo um pouco: desmancho, jogo no lixo, abandono... é realmente desanimador quando um projeto não fica como queremos mas, há sempre o próximo a caminho, não é?
    Certamente ele será mais feliz!
    Um abraço!

    Egléa

    ResponderEliminar
  6. Eu se gosto muito da lã, desmancho. Mas se a seguir continuo a não gostar, fica de lado. Pode ser que uns tempos depois lhe volte a pegar.

    beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo isso, não é este ou aquele esquema que não me está a inspirar, é mesmo o fio.

      Eliminar

Obrigado pela visita